segunda-feira, 1 de maio de 2017

"OPERÁRIO EM CONSTRUÇÃO" HOJE PRIMEIRO DE MAIO - 1/5 - 19H E 23H, CANAL 6 DA NET-Rio

Em homenagem ao Dia Primeiro de Maio, assista HOJE - segunda-feira às 19H e no horário alternativo das 23H - no canal 6 da Net-Rio, TVC-Rio, o clip/reportagem "OPERÁRIO EM CONSTRUÇÃO", a partir do poema de Vinícius de Morais, uma produção do jornalista André Motta Lima para o programa Espaço Comunitário, exibido em rede nacional pela TV Educativa, atual TV Brasil, no meio da década de 1980. Nossos agradecimentos ao jornalista André da Casa do Vídeo que autorizou sua exibição. Seguem as imagens dos personagens desse clip/reportagem. Assista e compartilhe!














RELATO DA TRUCULENTA E COVARDE AGRESSÃO DA PM AOS MANIFESTANTES

video
Clique nesse link: https://www.facebook.com/tvcriocanal6 e assista o relato corajoso da advogada trabalhista Cíntia Goulart sobre a covarde violência da PM contra mulheres, jovens e trabalhadores em geral que participavam do Ato na Cinelândia (Rio de Janeiro) contra as reformas da Previdência e Trabalhista no dia da greve geral de 28/04/17. Junto com os manifestantes foram agredidos com bombas de gás lacrimogêneo/pimenta, a deputada federal Jandira Feghali (PCdoB) e, também com bala de borracha o deputado federal Glauber Braga (PSOL). Cíntia fez esse relato ao vivo, logo após se liberar do prédio onde se abrigou com seu jovem filho, no estúdio da TVC-Rio (canal 6 da Net-Rio) que fazia um programa especial ao vivo "TVC-Rio NA GREVE GERAL", com apresentação do jornalista e diretor da emissora Moysés Corrêa (camisa amarela) e comentários do também jornalista Beto Almeida, diretor no Brasil da TeleSur. Participaram da produção do programa que teve a duração de 3 horas (com início às 16H30), Manuel Rosa (direção), Max Figueiredo (gravação externa), Júlio Damasceno (áudio e transmissão) e João de Aquino (direção-adjunta).

sábado, 28 de janeiro de 2017

Ivana Bentes: A boçalidade não tem limite!

A boçalidade não tem limite! "Governo brasileiro encerrou em 2017 uma parceria de 30 anos com a Escola de Cinema e TV de Cuba (EICTV)". Diferentes gerações de brasileiros passaram pela Escola de Cuba fundada por Gabriel Garcia Marques e com cursos de formação que vão dos clássicos do cinema brasileiro, cubano, cinemas de toda a América Latina e do mundo até as técnicas e linguagens do cinema hollywoodiano. Chama atenção pra quem chega no campus da Escola de Cuba, que pude visitar e conhecer, um lugar lindo e inspirador, dar de cara com a estátua de Steven Spielberg ao lado de Glauber Rocha, ou seja uma formação plural!
Mas o golpismo tupiniquim e provinciano tem medo de Cuba! Cortaram as bolsas para os estudantes brasileiros financiadas pelos dois governos.
"Após 30 anos e sem previsão de retorno, o governo brasileiro encerrou em 2017 a parceria com a Escola de Cinema e TV de Cuba (EICTV), reconhecida como uma das mais importantes escolas de formação audiovisual do mundo." (Ivana Bentes)

quinta-feira, 27 de outubro de 2016

PROGRAMA ESPECIAL TVC-RIO 20 ANOS



O Conselho Deliberativo (fotos) aprovou em sua última reunião, 25/10, realizar um programa especial para marcar a data do primeiro dia de funcionamento da emissora há 20 anos. O primeiro programa exibido pela TV Comunitária do Rio de Janeiro foi ao ar no dia 31/10/1996. Na próxima segunda-feira dia 31 de outubro vamos relembrar esse fato e contar um pouco da história da TVC-Rio. Convidamos a todos para acompanhar na tela do canal 6 da Net-Rio, o programa especial "TVC-Rio 20 ANOS", das 19 às 20H, com depoimentos dos dirigentes do canal comunitário do Rio. A Diretoria organizará um calendário de festividades e comemorações dos vinte anos durante os próximos 365 dias. Aqui a CIDADANIA faz e ACONTECE!

quarta-feira, 7 de setembro de 2016

Carta Aberta de ex-integrantes em defesa do Conselho Curador da EBC - Empresa Brasil de Comunicação

Os sistemas de radiodifusão de serviço público não comercial têm sido, ao longo da história da comunicação nas democracias, uma notável marca civilizatória. Na Europa, tendo a BBC britânica como sua principal referência, esses sistemas representam até hoje, não obstante o avanço da radiodifusão comercial, uma alternativa de programações jornalísticas, educativas e culturais recebida e admirada pelas sociedades em que estão inseridas. Mesmo nos Estados Unidos onde, a exemplo do Brasil, a radiodifusão comercial foi dominante desde suas origens, o sistema PBS – Public Broadcasting Service – é conhecido e respeitado por seu jornalismo equilibrado, seus documentários aprofundados, sua dramaturgia desvinculada da superficialidade comercial e sobretudo, por seus programas infantis e juvenis de indiscutível qualidade educativa e cultural.

A EBC, Empresa Brasil de Comunicação, foi criada no Brasil para ser, nos limites de nossas possibilidades políticas, culturais, sociais e econômicas, um sistema de radiodifusão de serviço público não comercial que, ao longo de seu desenvolvimento, almejasse chegar um dia a ser, se não uma BBC, por conta das diferenças estruturais do desenvolvimento da radiodifusão na Europa e no Brasil, mas, ao menos, uma prestadora de serviço público nos moldes da PBS americana. Uma prestadora de serviço público de radiodifusão não comercial, mantida em parte por recursos públicos, em parte por apoios culturais e patrocínios, em parte por prestação de serviços à sociedade.

Mas, criada em 2008, a EBC mal teve tempo de, nos termos formulados pelo Conselho Curador em 2012, rever seu modelo institucional, por meio de seminários internos e debates com a sociedade ao ser atingida por intempestiva decisão do novo governo, que, na prática, destrói aquele modelo, ao, entre outras medidas, extinguir o Conselho, ao qual cabe assegurar, por força da representação social de que é revestido, a autonomia da empresa e o estrito cumprimento da lei que a criou.

Não deixa de ser paradoxal, no momento mesmo em que a sociedade e o Poder Judiciário reivindicam medidas de controle sobre o Estado e, em particular, sobre as empresas estatais, que a única empresa pública a ter, definido por Lei, um Conselho Curador – ativo e operante – seja alcançada por uma medida que esvazia, quando não impede, o exercício de controle que se torna uma exigência dos valores democráticos aplicados à gestão de autarquias e empresas estatais.

Os abaixo-assinados, ex-integrantes do Conselho Curador da EBC, vêm a público apelar ao Poder Executivo e ao Poder Legislativo no sentido de que reformem a decisão de encaminhar e acolher a Medida Provisória que, na prática, ao extinguir o Conselho Curador, extingue o primeiro, e ainda em curso, processo de se ter no Brasil uma experiência fundamental de radiodifusão de serviço público não comercial, pública, autônoma e inclusiva.

Como ex-integrantes do Conselho Curador da EBC, que deram início e participaram do debate de revisão e melhoramento do modelo institucional da empresa, nos colocamos à disposição das autoridades responsáveis daqueles poderes, em harmonia com o atual Conselho, com a direção da empresa, com as mais diversas representações da sociedade, para, juntos, não deixarmos morrer no Brasil uma iniciativa civilizatória à altura das mais nobres esperanças democráticas e cidadãs, para este e qualquer outro país.

Em 06 de setembro de 2016

Assinam:

Cláudio Lembo

Jurista, professor universitário, ex-governador de São Paulo

Daniel Aarão Reis

Professor de História Contemporânea da Universidade Federal Fluminense (UFF)

João Jorge Rodrigues

Presidente, Samba Reggae & Cidadania

Luiz Gonzaga Belluzzo

Economista, professor universitário, foi presidente do Conselho Curador da EBC

Maria da Penha Fernandes

Militante feminista e inspiradora da criação da lei federal no. 11.340/2006, batizada com seu nome: Lei Maria da Penha.

Murilo César Ramos

Professor e pesquisador do Laboratório de Políticas de Comunicação (LaPCom), da Universidade de Brasília (UnB)

sábado, 3 de setembro de 2016

Conselho Curador diz que mudanças na EBC são inconstitucionais

O Conselho Curador da EBC divulgou nota em repúdio de forma veemente à Medida Provisória 744. Segundo o conselho, a medida "é uma afronta aos princípios constitucionais que estabelecem a comunicação pública como um direito da sociedade brasileira". A nota destaca ainda que a MP foi publicada no dia em que ocorreria a 63ª Reunião Ordinária do Conselho Curador, na qual seriam deliberados assuntos importantes envolvendo a grade de programação dos veículos da EBC, a destinação dos recursos da Contribuição para o Fomento da Radiodifusão Pública e a renovação do próprio Conselho.

Veja a nota na íntegra:

O Conselho Curador da Empresa Brasil de Comunicação (EBC) repudia de forma veemente a Medida Provisória 744, publicada nesta sexta-feira (02/09/2016) que acaba com o caráter de empresa de comunicação pública. A MP 744 é uma afronta aos princípios constitucionais que estabelecem a comunicação pública como um direito da sociedade brasileira. A medida fere o artigo 223 da Constituição Federal, que prevê a complementaridade dos sistemas público, privado e estatal.

A MP 744 extingue o Conselho Curador e assim tira a autonomia da EBC em relação ao Governo Federal para definir produção, programação e distribuição de conteúdo no sistema público de radiodifusão e agências.

Também foi publicado nesta sexta-feira decreto que exonera o diretor-presidente da EBC Ricardo Melo, contrariando uma decisão do Supremo Tribunal Federal (STF) que garantiu a legalidade do mandato em junho.

Composto por representantes de vários setores da sociedade civil, do Congresso Nacional, do Governo, e dos funcionários da empresa, o Conselho Curador tem atuado para garantir a diversidade de vozes nos veículos da EBC. Além da vigilância constante para o cumprimento dos princípios que regem a EBC, ao longo dos últimos oito anos, o Conselho Curador foi responsável por demandar a criação de uma faixa de diversidade religiosa na TV Brasil e nas rádios da EBC, orientar a empresa na criação do seu manual de jornalismo, recomendar e cobrar diversidade de gênero, raça, orientação sexual e acessibilidade em todos os conteúdos, defender a cobertura de pautas relacionadas aos direitos humanos, apontar as diretrizes para os planos de trabalho anuais da empresa e promover mais de dez audiências públicas para debater temas diversos como a produção independente e regional.

Cabe ressaltar que a MP 744 extingue o Conselho Curador no mesmo dia em que ocorreria a sua 63ª Reunião Ordinária, em que iria deliberar sobre assuntos importantes envolvendo a grade de programação dos veículos da EBC, a destinação dos recursos da Contribuição para o Fomento da Radiodifusão Pública e a renovação do próprio Conselho.

Os/as integrantes do Conselho Curador se juntam às iniciativas da sociedade civil contra a MP 744 e na firme defesa da EBC e da Comunicação Pública.

Representantes da sociedade civil no Conselho Curador da EBC
Rita Freire (presidenta)
Ana Maria da Conceição Veloso
Enderson Araújo de Jesus Santos
Heloisa Maria Murgel Starling
Ima Célia Guimarães Vieira
Isaias Dias
Joel Zito Araújo
Matsa Hushahu Yawanawá
Mário Augusto Jakobskind
Paulo Ramos Derengoski
Rosane Maria Bertotti
Takashi Tome
Venício Arthur de Lima
Wagner Tiso

Representante dos funcionários da EBC no Conselho Curador da EBC
Akemi Nitahara

Fonte: TelaViva News,
convergecom.com.br

quinta-feira, 18 de agosto de 2016

Brasileiros usam mais a internet que americanos e canadenses, diz Ibope

POR REDAÇÃO

Os brasileiros navegam mais na internet que os americanos e os canadenses, conforme mostra pesquisa do Ibope Inteligência, divulgada nesta terça-feira, 16. A mesma liderança é vista na assistência de televisão. Por aqui 95% dos internautas entrevistados navegam na internet todos os dias e 82% assistem televisão diariamente, média acima do verificado nos países da América do Norte. No Canadá a média é de 84% para navegação na rede de computadores e 73% para a assistência de TV. Nos Estados Unidos, os percentuais são de 77% e 69%, respectivamente.

A pesquisa mostra também que TV e internet são meios complementares, já que 72% da população de nove países das Américas navegam na web para buscar informações sobre algo que viram na televisão. Isso ocorre com mais força no Brasil, onde 96% dos entrevistados dizem fazer isso. Na Colômbia, são 84% com o mesmo perfil; 84% também no Canadá; 73% nos EUA; 62% no México; 41% no Equador; 38% no Panamá e 37% no Peru.

A pesquisa mostra ainda que assistir TV pelo smartphone também está se tornando comum, sobretudo no Brasil, onde esse hábito já é praticado na mesma proporção que nos Estados Unidos (29%). Na média das Américas, 24% dos habitantes assistem televisão pelo smartphone.

O uso do smartphone para assistir TV é mais comum em casa (69%) ou em transportes como ônibus e metrô (52%). Mas há também uma parcela significativa que faz isso no trabalho (43%), na casa de amigos (27%) e em restaurantes (26%), aponta o levantamento

O Brasil também é primeiro quando o assunto é assistir filmes e programas de TV por meio de serviços on demand (disponibilidade de assistir aos conteúdos na hora que quiser), como Netflix. No país, 49% assistem, no mínimo, semanalmente, o que coloca o Brasil no topo do ranking, junto com os Estados Unidos.

No Equador, o acesso a VOD é de 43%; no México, de 40%; no Canadá, de 38%; no Panamá, de 27%; no Peru, de 26% e na Colômbia chega a apenas a 19%.

O Ibope informa que realizou 8.533 entrevistas em nove países da América Latina, em maio de 2016. No Brasil, foram entrevistados 1.004 internautas.

quarta-feira, 10 de agosto de 2016

Distribuição do conversor digital já atinge 62% em Brasília e cidades do entorno

A Entidade Administradora da Digitalização (EAD) já entregou 215 mil  kits de conversor digital e antenas para as famílias inscritas nos programas sociais do governo federal do Distrito Federal e mais nove cidades do entorno, onde o desligamento do sinal analógico de TV está programado para 26 de outubro. Esse número representa pouco mais de 62% do total de 346 mil famílias que serão beneficiadas.

Outras sete mil famílias já agendaram a retirada do kit nos pontos de distribuição. Com esses equipamentos, os beneficiários poderão receber a programação digital da TV digital aberta mesmo por aparelhos de TV antigos.

Além do Distrito Federal, o switch-off vai atingir as cidades goianas de Águas Lindas de Goiás, Cidade Ocidental, Cristalina, Formosa, Luziânia, Novo Gama, Planaltina, Santo Antônio do Descoberto e Valparaíso de Goiás. O agendamento para a retirada dos kits pode ser feito no site www.vocenatvdigital.com.br ou pelo telefone 147.

Campanha

A EAD também iniciou a campanha de desligamento do sinal analógico em mais 97 municípios com switch-off previsto para 26 de julho de 2017. Os anúncios de alerta inclui Belo Horizonte (MG), Salvador (BA), Recife (PE) e Fortaleza (CE), além de outras 93 cidades situadas no entorno dessas capitais.

Neste início da campanha, os telespectadores começam a ver um logotipo na tela de TV com a letra "A". Este símbolo indica que o sinal da TV é analógico. Além disso, tarjas informativas sobre o desligamento serão inseridas durante a programação. Cartelas informativas começarão a ser exibidas 180 dias antes do prazo final e vídeos informativos, com 75 dias de antecedência.

sexta-feira, 5 de agosto de 2016

Plenária de Produtores de Programas da TVC-Rio, veja as fotos

A TVC-Rio comemora, em 2016, 20 anos de atividade. Visando dar um salto de qualidade em sua imagem na telinha - vídeo e áudio - foi realizada, na sede da emissora, uma plenária com produtores de programas que ocupam a grade da TVC-Rio no dia três de agosto, quarta-feira, quando foram informadas as novas regras para produção dos programas. Seguem algumas fotos ...









sábado, 30 de julho de 2016

TV por assinatura ganha nota 7,14 dos usuários, aponta pesquisa

POR LÚCIA BERBERT
lucia@convergecom.com.br

A satisfação do consumidor com o serviço de TV por assinatura recebeu média de 7,14 numa escala de zero a 10, conforme pesquisa de satisfação do usuário, realizada em 2016 e publicada recentemente pela Anatel. O resultado é superior à média alcançada pelos demais serviços de telecomunicações – telefonia móvel, celular, banda larga fixa e móvel – que ficou em 6,7, de acordo com pesquisa divulgada no mês de março.

A nota individual mais alta entre as nove prestadoras analisadas é para a pequena Nossa TV (8,59), do missionário R.R. Soares, que detém 127,9 mil assinantes. Na segunda colocação vem a Claro TV, com 7,23 pontos, praticamente a mesma situação da Sky, que obteve 7,21.

A terceira posição é dividida pela Vivo (7,13), Net (7,08) e GVT (7,06). Enquanto na quarta colocação estão empatadas as operadoras Algar (6,91), Oi (6,90) e Blue (6,82).

Para chegar a esses números a pesquisa avaliou indicadores de qualidade percebida, relativos às áreas de relacionamento do usuário com a prestadora, como Oferta e Contratação, Funcionamento, Cobrança, Canais de Atendimento, Atendimento Telefônico, Capacidade de Resolução e Reparo e Instalação.

A média obtida pelo indicador Oferta e Contratação é de 7,24, com melhor pontuação para Nossa TV (8,95) e pior nota da Oi (6,80). Na análise de Funcionamento, a nota média ficou em 8,05, com destaque de novo para a Nossa TV (8,44). A Blue (7,32) ficou com a última posição nesse quesito.

No indicador sobre Cobrança, que teve média de 7,51, a Nossa TV ficou perto da nota máxima, com 9,31, enquanto a Oi, com 7,08 ficou na lanterna. No quesito Canais de Atendimento, com média 7, a Nossa TV novamente se destaca, com nota 8,98. Na outra ponta, a Oi obteve 6,45 pontos.

O indicador Atendimento Telefônico teve a pior média, de 6,49, com a Nossa TV com a melhor pontuação (8,66) e a Oi com a pior (5,87). A capacidade de resolução dos problemas pelas operadoras também obteve uma média baixa, de 6,51, de novo com a Nossa TV (8,26) e Oi (6,10) em posições opostas.

No quesito Reparo e Instalação, a média alcançada foi de 7,43, com destaque mais uma vez da Nossa TV, que alcançou nota 8,58. Na posição oposta empataram a Blue e a Sky, com 6,95 pontos.

Para se chegar a esses resultados foram realizadas 47.767 entrevistas telefônicas com clientes de todos os estados da federação, das prestadoras Algar, Blue, Claro, GVT, NET, Nossa TV, Oi, Sky e Vivo.  As operadoras Claro, GVT, NET, Sky e Oi possuem maior abrangência, enquanto as demais são limitadas a UFs e DDDs específicos: Algar (2 UFs), Blue (5 UFs), Nossa TV (4 UFs) e Vivo (1 UF). A coleta de dados ocorreu no período de janeiro a fevereiro de 2016.

Veja aqui o relatório completo da pesquisa.

Fonte: TelaViva (convergecom.com.br)

Festa de reinauguração do Centro Social e Esportivo dos Rodoviários em Rocha Miranda

sexta-feira, 29 de julho de 2016

Plenária dos Produtores Independentes da TVC-Rio

Senhoras e Senhores
A TVC-Rio comemora, em 2016, 20 anos de atividade.
Chegou o momento de dar um salto de qualidade na imagem, no vídeo e no áudio da TV.
Para cumprir este objetivo, a TVC vai realizar uma plenária com todos os produtores de programas que ocupam a grade da TVC-Rio.
A presença se faz necessária, pois vamos informar as novas regras para produção dos programas.
Data: 03 de agosto de 2016
Local: Sede da TVC-Rio
Horário: 18h
Atenciosamente
JC Madureira
Secretario Geral da TVC-Rio

domingo, 24 de julho de 2016

Convocada a 2ª Reunião do Conselho Deliberativo

Conselheiros e Conselheiras

Está convocada a 2° Reunião do Conselho Deliberativo da TVC Rio.
Dia: 26 de julho de 2016
Hora: 18h
Local: Sede da TVC Rio
Pauta:
1) Seminário e comemoração dos 20 anos da TVC;
2) Plenária dos produtores;
3) Cobertura das eleições 2016;

Atenciosamente

JC Madureira
Secretaria Geral TVC Rio

sábado, 23 de julho de 2016

Vidas perdidas nas obras das Olimpíadas 2016: ato de homenagem

Na próxima quinta-feira, 28 de julho, 11H da manhã participe da
Homenagem aos 11 trabalhadores mortos nas obras das Olimpíadas do Rio de
Janeiro. Terá também plantio de uma árvore.

quarta-feira, 20 de julho de 2016

1ª Reunião do Conselho Deliberativo teve alto quórum

A primeira reunião do Conselho Deliberativo aconteceu no dia vinte e oito de junho na última terça-feira do mês como reza o estatuto da TVC-Rio. Várias foram as decisões que estão sendo encaminhadas. Nessa reunião tomaram posse mais quatro membros da direção. Vejam as fotos.
 
 De frente, o Presidente Soriano e o Secretário Geral Madureira
 Olga, Anoar, Maurício, Eduardo, Sebastião, Tatá, Bustamante
 Wellington, Rogério e Aquino
 Soriano, Tatá, Anoar, Sebastião e Aquino
 Anoar recebe diploma da Posse como Diretor de Formação
 Tatá recebe diploma de Posse como Conselheira efetiva vogal
 Aquino recebe diploma de Posse de Conselheiro efetivo
 Sebastião recebe diploma de Posse da Diretoria de Eventos